Notícias

Acadêmica da ASCL tem livro traduzido que será usado em aulas de inglês para crianças

Publicação: 11/04/2021

A obra infantil “Uma floresta, uma menina e um manequim. A fartura” de autoria da escritora Leni Zilioto, foi bem recebida pelos Professores de Língua Inglesa da Wizard, unidade Lucas do Rio Verde, Mato Grosso. Tanto que eles desenvolveram uma maneira de contar a história de um jeito especial.

 

Segundo a professora Amanda Bechelli, é importante valorizar a literatura brasileira e também colocar isso para outros países, principalmente com crianças: "É na parte das crianças que conseguimos usar a literatura de uma maneira natural, para que eles gostem de literatura e que continuem lendo quando ficarem mais velhos!"

 

Publicado em dois idiomas, e já em sua terceira edição, esse livro tem um significado especial por ser de uma autora local e por oferecer essa possibilidade de ter sua história contada de forma interativa.

 

De acordo com a escritora Leni Ziliotto, que ocupa a Cadeira número 21 da Academia Sinopense de Ciências e Letras, é importante valorizar o escritor local: "Quero agradecer essa importante parceria e tenho certeza que todos ganham com isso. A escola, nós artistas e os alunos também, conhecendo os talentos locais!"

 

A storytelling criada pelos professores deixou todos bem à vontade para fazer a releitura das personagens e dos ambientes da história. O fato de trabalhar a literatura infantil em dois idiomas serve também como estímulo para que as crianças desenvolvam o gosto pela leitura.

 

Parte dos elementos físicos da história foi representada na storytelling por bonecas confeccionadas em crochê, e são as três personagens principais, as meninas Maria Elizabete, Maria Joana e Maria Eduarda.

 

Os professores criaram outros elementos do ambiente da história, o que os deixou muito próximos do enredo e facilitou o entendimento pelas crianças, que acompanharam passo a passo as cenas da história.

 

A história contada pelos professores de Língua Inglesa traz uma versão resumida do livro, para ser atraente ao público infantil e manter a atenção das crianças na história apresentada.

 

Literatura local em storytelling é uma atividade diferente do que os alunos de aulas de idiomas desenvolvem no dia a dia.