Olá! Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Notícias

SÉRIE: Conheça Marta de Miranda

Publicação: 12/05/2022

Sobre Marta


O que se tem a contar...
Bem, como que lembrando personagem saída de sonhos, ou vinda dos salões imperiais de áureos tempos, sob o brilho das luminárias de cristal pendentes de tetos banhados a ouro, Marta faz evoluções de dança, sobre a ponta de graciosas sapatilhas de ballet. Em sequência de saltos e giros, pirouettes, promenades, ela dança com leveza e graça, a dar a impressão a quem a assiste, maravilhado, de que a bailarina voa, ao som dos violinos que tocam. Como em sonhos, figura etérea, ela desliza suave, esguia e bela, sobre as sapatilhas de ballet.
Marta é assim. 
É balilarina. É escritora. Poetisa. Romancista premiada. Sua linha de criação literária inclui romance, suspense e conto, com obras já publicadas, além de poemas e prosa poética.
Marta é Membro da ASCL – Academia Sinopense de Ciências e Letras. Ocupa a Cadeira n. 36, cujo Patrono é Monsenhor Karl Manfred Thaller, o Padre Carlos, alemão que dedicou sua vida sacerdotal ao serviço da Igreja, no Brasil, mormente, no Médio Norte e Norte mato-grossense. Seu lema de vida era “Nunca vos canseis de fazer o bem” (Tessalonicenses 3:13).
Ciências Contábeis é a formação acadêmica de Marta. Ela é dinâmica, ágil, determinada, multifacetada. Tem pós-graduação em Planejamento e Gestão Estratégica, e em Gestão de Organizações do Terceiro Setor e Projeto Social. É Supervisora Administrativa, na Adestec Obra Padre Pio, empresa em que trabalha desde 2001.  É Secretária do Conselho Curador da Fundação de Saúde Comunitária de Sinop – Hospital Santo Antônio, e Tesoureira da Cáritas Diocesana de Sinop (ambas, atividades voluntárias). É casada. Tem uma filha, a Lívia, a linda Lívia. Marta é amiga. Conhece a hora, domina a forma de ser amiga, de como ser amiga. Leve, suave e doce como a sinfonia dos violinos que obedece ao sabor do ballet. Assim é Marta.
Janeiro de 1985, 19, é a data em que nasceu, no Estado do Paraná, em Terra Nova. Chegou a Sinop, com sua família, aos seis anos de idade.
Marta liga seu coração à Literatura, desde criança.
Essa ligação foi responsável pela primeira realização de um grande sonho: escrever um livro. E seu primeiro livro, um suspense, “Último Suspiro”, foi lançado na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo - grande e reconhecido evento literário.
“A Aposta” veio a seguir. Um romance, também de impactante e significativo agrado e aceitação pelo público leitor.
O conto “Café Augustine”, publicado depois, teve o mesmo sucesso das obras anteriores, e todas, publicadas pelo Grupo Editorial Coerência.
Outros manuscritos, prontos, estão a um passo da publicação. Seus leitores já aguardam, antevendo com deleite, as aventuras que estão por vivenciar, ao percorrerem as páginas de suas novas criações.
 Pelos caminhos que a Literatura a conduz, ou que por ela é a Literatura conduzida, Marta vai deixando seus traços, suas marcas. Prefaciou o livro “Decifra-te, da Escritora, Colega da ASCL, Bernadete  Crecêncio Laurindo. Por levar o nome de Sinop a outros Estados brasileiros, usando de sua criação literária, Marta recebeu da Assembleia Legislativa Municipal de Sinop, Moção de Aplausos e o Título de Cidadã Sinopense.
Sobre Marta, tem-se tudo o que é bonito de contar.
Ela é Marta. Bonita, afável, leve. Bailarina. Escritora. Poetisa. Mãe. Esposa. Profissional. Amiga.
Ela é Marta de Miranda.

 

Sinop-MT, Outono de 2022

 

Bernadete Crecêncio Laurindo
Escritora – Membro da ASCL, Cadeira n. 4